Preencha os campos abaixo para submeter seu pedido de música:

Polícia Civil vai investigar divulgação criminosa de imagens de vítima de acidente em Araxá - Expresso FM 100,1


No comando: EXPRESSO DA MADRUGADA

Das 00:00 às 05:00

No comando: EXPRESSO RURAL

Das 05:00 às 07:00

No comando: SERTÃO EM FESTA

Das 05:00 às 10:00

No comando: DOMINGÃO SERTANEJO

Das 06:00 às 10:00

No comando: JORNAL DA ITATIAIA

Das 07:00 às 07:45

No comando: SHOW DA MANHÃ

Das 08:00 às 10:00

No comando: EXPERIÊNCIA DE DEUS

Das 10:00 às 11:00

No comando: TÚNEL DO TEMPO

Das 10:00 às 14:00

No comando: RITMOS DA EXPRESSO

Das 11:00 às 12:00

No comando: PASSANDO A LIMPO

Das 11:00 às 13:00

No comando: REPÓRTER EXPRESSO

Das 12:00 às 13:00

No comando: TOP MAIS

Das 13:00 às 16:00

No comando: PROGRAMAS GOSPEL

Das 14:00 às 16:00

No comando: TARDE NOSSA

Das 14:00 às 16:00

No comando: BAILÃO DA EXPRESSO

Das 16:00 às 19:00

No comando: AO POR DO SOL

Das 16:00 às 19:00

No comando: DEIXA ROLAR

Das 18:30 às 00:00

No comando: VOZ DO BRASIL

Das 19:00 às 20:00

No comando: MUSIC EXPRESS

Das 19:00 às 21:00

No comando: EXPRESSO NOTURNO

Das 20:00 às 22:00

No comando: NA PISTA

Das 21:00 às 00:00

No comando: SOFT NIGHT

Das 22:00 às 00:00

Polícia Civil vai investigar divulgação criminosa de imagens de vítima de acidente em Araxá

A Polícia Civil iniciou investigação para apurar a divulgação indevida em dispositivos móveis e redes sociais de imagens da passageira que faleceu ontem em virtude de acidente de trânsito.

Pessoas que estiveram no local e fizeram captação de imagens da vítima após o acidente e, de forma insensata e irresponsável, estão divulgando as imagens da passageira já sem vida. As imagens são fortes e revelam falta de bom senso, humanidade e respeito pelo luto da família e amigos.

Para a Polícia Civil, a divulgação da imagem configura o crime de vilipêndio de cadáver, previsto no artigo 212 do Código Penal, que prevê pena de detenção de um a três anos e multa. Não se trata apenas do desejo de expor a foto da vítima para saciar a curiosidade dos demais. Para a polícia, esse tipo de propagação tem a finalidade de menosprezar a pessoa falecida.

Auxílio da investigação

Aquele que tenha recebido esse tipo de mensagem, a Polícia Civil pede a colaboração, informando os dados, perfil ou telefone do responsável pela divulgação. Os dados poderão ser enviados para o e-mail transito.araxa@policialcivil.mg.gov.br ou pelo Whatsapp do DETRAN (31) 99831-2700. Será assegurado o anonimato caso denunciante peça reserva de seus dados.

O acidente

O crime ocorreu no domingo (10) pela manhã, a motocicleta Honda CBR 600 F, que tinha a vítima como passageira, se deslocava sentido centro, quando condutor de um automóvel Gol, que seguia sentido Avenida João Paulo II e realizou uma manobra de retorno, momento em que a motocicleta bateu no carro, fazendo com a vítima fosse ejetada e falecesse ainda no local.

Os primeiros levantamentos da Polícia Civil indicam possível concorrência de culpa. Existem suspeitas de que o motorista do automóvel não executou adequadamente a manobra, enquanto o motociclista parece que estava transitando em velocidade incompatível com a avenida.

Deixe seu comentário:

CURTA NO FACE!

Equipe

Nossas Redes